quarta-feira, 11 de junho de 2008

Transporte falido




Crédito das fotos: Eduardo Siqueira

As fotos apresentam uma diferença, gostaria ver quem vai descobrir?
Não descobriu, a única diferença é que foram tiradas em datas diferentes.
Só quem anda de “latão” (gíria da piazada da rua genuinamente curitibana para os usuários de ônibus) sabe o que sofre quando está dentro dele. O fervo é de segunda á a segunda. O gordo inútil (Jaime Lerner) fez uma grande propaganda da cidade pelo país e mundo afora, é normal ouvir de pessoas maravilhas sobre a cidade Maldita, que Curitiba é: Cidade de primeiro mundo, capital européia dentro do Brasil, cidade sorriso entre outros elogios. A sorte do JL e sua corja que nenhum migrante foi no PROCON fazer sua reclamação pela falsa propaganda.
Estamos em 2008 e andar de ônibus por aqui a cada dia é uma luta, eles estão lotados de segunda á segunda. Antigamente o curitibano podia se gabar e encher o peito e falar: “Minha cidade tem o melhor transporte coletivo do Brasil”. Hoje só os curitibanos ainda iludidos com a falsa propaganda acreditam que o transporte é bom. Alguns ainda conformados acreditam que o Transporte ainda é o melhor do Brasil, mesmo com os problemas apresentados.
Eu ando de latão direto e não concordo com a qualidade do transporte coletivo de Curitiba, ele é um lixo, totalmente falido e sem perspectiva de melhoria. Todos os dias são milhares de usuários de ônibus, todos pagam passagem. Somos tratados com total desrespeito, os ônibus andam sempre lotados, fazer a leitura dentro dele é impossível a iluminação é horrível. Os terminais necessitam de uma reforma urgente, não conheço terminal que esteja numa condição boa. Os ônibus estão atrasando direto, o intinerário que levava antes 1 hora pode levar 1hora e meia pelos atrasados, não só das ruas que andam congestionadas e sim pelas condições que estão os ônibus.
Até quando os prefeitos vão ficar sustentando está mentira de transporte? “O melhor do Brasil”. Só que anda de ônibus sabe o que está acontecendo, para que anda de carro e vive pegando ônibus de caminhos simples, Como o modelo Juvevê/ÁguaVerde, Jardim Social/Batel, Bigorrilho, Jd.Esplanada entre mais alguns o transporte é maravilhoso as ruas são boas.
Agora peguem o Falcão prateado de manhã em qualquer terminal e me conta com foi o tratamento da viagem.

2 comentários:

HERMES HILDEBRAND disse...

Boa Dudu,

O problema do transporte coletivo é realmente triste. Lamentamos que isto não aconteça somente em Curitiba, mas sim nas principais cidades do país. Quando não é ônibus, o problema está com os metros. Sempre superlotados. Além disto, nos vemos num dilema. Ao mesmo tempo em que promovem campanhas para que os motoristas deixem os seus veículos em casa, como acontece em Curitiba, nós que utilizamos os coletivos diariamente vemos o número de pessoas que necessitam deste transporte crescer e o número destes veículos diminuírem. Acredito que a URBS e a Prefeitura de Curitiba deveriam repensam neste tipo de administração e esquecer está campanha, que são os únicos órgãos vêem que a população realmente participa deste tipo promoção.


Hermes Hildebrand

Caio de Alencar Coelho disse...

Eduardo, voc~e precisa andar em um busão de São Paulo ou do Rio de Janeiro para ver coisa pior!
Infelismente transporte público no Brasil é dose!
Caio